Marcelo VIVONE

Com que roupa (por Marcelo Vivone)

O torcedor Tricolor que, desde a era dos pontos corridos no Brasileirão, é obrigado a conviver com incertezas a cada início de temporada, dada a inconstância entre um ano e outro, neste 2014 foi surpreendido com incertezas dentro do próprio campeonato, com grande alternância de atuações com apenas 3 dias de diferença.

Seremos Penta! (por Marcelo Vivone)

Diante de tudo que temos visto, dá para garantir, com muito pesar, que os investimentos realizados nos últimos 2 anos no clube são certamente os mais mal empregados de todo o futebol brasileiro. Basta considerar que estamos caminhando para o 2º ano consecutivo sem conquista de título, sequer de um carioquinha. Isso com uma folha que, salvo engano, é a 3ª ou a 4ª mais alta do Brasil de 2014, como foi também em 2013.

Corinthians 1 x 1 Fluminense (por Marcelo Vivone)

Em termos de tabela, o resultado não foi de todo ruim, pois o São Paulo também empatou. Seguimos firmes na busca do G4. Não considero mais a possibilidade de título. Já são 12 pontos para o Cruzeiro, desvantagem essa propiciada pela campanha contra o próprio Fluminense feita pelos jogadores ao longo de pouco mais de 10 dias.

Mudanças (por Marcelo Vivone)

A expectativa é de que Fred volte querendo arrebentar. Pelo menos eu teria essa postura se tivesse sofrido o que ele passou na Copa do Mundo. Espero que esse semestre seja de muita bola na rede, sem polêmicas ou contusões. É aguardar para ver

Fluminense 1 x 0 Santos (por Marcelo Vivone)

Continuo no aguardo da posição da nossa diretoria em relação à contratação do atacante de velocidade. Preocupa-me muito o silêncio sepulcral de Laranjeiras a esse respeito. É necessário ter no elenco um jogador que possibilite alternar nosso padrão de jogo de toque de bola para o de velocidade