Corinthians 2 x 1 Fluminense: atuações (por Mauro Jácome)

DOWNLOAD GRÁTIS – LIVRO – COPACABANA CITY BLUES

DOWNLOAD GRÁTIS – LIVRO – PEQUENOS RELATOS DA OPRESSÃO

O Fluminense começou recuado e deu ao Corinthians o campo que o time paulista precisava para sufocar. No entanto, o sistema defensivo soube suportar. Somente aos 20’, com Pedro, conseguiu chegar perto do gol de Cássio, mas o atacante tricolor demorou a concluir e a zaga fechou. Aos 23’, Abel teve uma perda importante: Ibañez saiu contundido. O jogo seguia muito ruim. Além dos erros técnicos, Daronco picotava a sequência marcando falta em qualquer contato. Bastava cair. Depois dos 30’, o Fluminense adiantou a marcação e, assim, Cássio começou a aparecer no vídeo. O primeiro tempo caminhava para terminar sem gols, mas a zaga tricolor contribuiu para evitar. Primeiro, Frazan foi juvenil na marcação a Romero, depois, Gum perdeu na disputa aérea para Rodriguinho.

O segundo tempo começou com o empate tricolor. Gilberto cobrou o lateral na área, Gum raspou, Pedro ajeitou e Richard apareceu por trás da zaga alvinegra e bateu bonito, pelo alto. Menos recuado, o Fluminense cresceu no jogo e incomodou Cássio. Não fosse as conclusões ruins, poderia ter virado o placar. Aos 40’, Richard não acompanhou Clayson, Renato Chaves não acompanhou Emerson e Ayrton não acompanhou Rodriguinho. Resultado, 2 x 1.

JÚLIO CÉSAR

Boas saídas de gol no primeiro tempo. Sem culpa nos gols.

GUM

Não pode perder na disputa aérea para jogadores da altura de Rodriguinho. Marcou a bola e deixou adversários livres em alguns lances.

RENATO CHAVES

Complicou bolas fáceis. Às vezes, esquece que é Renato Chaves. Arriscou muitos lançamentos longos e, lógico, errou todos. Não acompanhou Emerson no segundo gol.

IBAÑEZ

Saiu no começo contundido.

FRAZAN

Pesado, sem agilidade, os corintianos passavam com muita facilidade pelo zagueiro. Além disso, deu espaços. Inclusive, no gol de Rodriguinho, permitiu Romero cruzar duas vezes.

GILBERTO

Tentou algumas jogadas em velocidade, mas havia muito corintiano pela frente. Finalmente, cobrou um lateral na área que deu certo. Cresceu no segundo tempo e foi uma das boas opções de ataque.

RICHARD

Marcou e passou mal no primeiro tempo. Apareceu bem para empatar. O gol deu moral, pois melhorou e foi mais firme na marcação. Deixou Clayson avançar e lançar Emerson no segundo gol.

JADSON

Muito escondido no primeiro tempo e errou um caminhão de passes no segundo. Péssimo.

SORNOZA

Pegou poucas vezes na bola no primeiro tempo. Deu mais ritmo na etapa complementar, mas sumiu nos últimos 30 minutos.

AYRTON

A principal opção ofensiva. No entanto, o Corinthians jogou nas suas costas. Não acompanhou Rodriguinho no segundo gol.

PABLO DYEGO

Com pouco espaço no primeiro tempo, teve dificuldades para executar sua principal jogada: a velocidade. Melhorou na etapa complementar, quando o Fluminense trabalhou com mais rapidez, mas não finalizou bem.

PEDRO

Engolido pela zaga corintiana no primeiro tempo. Deu ótima assistência para o gol de Richard. Teve algumas oportunidades para concluir, mas demorou demais e perdeu o timing.

JOÃO CARLOS

Não pegou na bola.

ABEL

Deu moral para Pablo Dyego, depois de boas entradas nos jogos anteriores. Finalmente, as jogadas aéreas de laterais começaram a surtir efeito. Precisa trabalhar mais a cobertura de Ayrton. O Corinthians aproveitou e criou várias jogadas de perigo pelos lados do campo. Frazan não pode ser opção. Jadson fez uma partida horrorosa e poderia ter colocado Douglas.

Panorama Tricolor

@PanoramaTri @MauroJacome

#JuntosPeloFlu

Imagem: jam

1 Comments

  1. O time não tem dois zagueiros bons – tem um bom, o Ibanez, e um razoável, o Reginaldo -, então jogar com três zagueiros sempre será um problema grande contra adversários que possuam um mínimo de qualidade para aproveitar os inúmeros erros e as grandes falhas dos zagueiros O problema é grande quando joga com Renato Chaves, o pior zagueiro vida história do futebol, e Gum. O problema fica maior ainda quando o terceiro zagueiro é o Frazan.

Comentário