Então, que venha o Botafogo! (por Ise Cavalieri)

DOWNLOAD GRÁTIS – LIVRO – COPACABANA CITY BLUES

DOWNLOAD GRÁTIS – LIVRO – PEQUENOS RELATOS DA OPRESSÃO

E lá vamos nós, de volta à montanha russa de emoções: em uma semana somos eliminados e na outra, classificados. Time limitado o suficiente para sair da Copa do Brasil e, ao mesmo tempo, time que mostra que a vontade em campo pode render os melhores frutos.

Um empate, porém com gosto inesquecível de classificação e a memória quase gritando a vitória de 4 a 0 anteriormente sobre o mesmo arquirrival. Difícil é entender como elencos melhores tropeçavam vergonhosamente em clássicos mas o atual vem segurando essa invencibilidade.

O rival que, quando é eliminado, o campeonato passa a não valer nada e quando vence, é quase um mundial.

Agora é segurar mais uma vez, que independente do nosso elenco, entre trancos e barrancos, aqui é Fluminense e não tememos a ninguém. E não importa se os outros são repletos de craques ou com folha salarial mais gorda, em clássico vence quem entra com garra. Algo que vem desde 1912, quando o clube de remo entrou em campo com nove dos nossos onze titulares e… levou um sabão de 3 a 2.

Nessas horas a camisa mais fala alto; aliás, ela esbraveja o peso da nossa tradição. Estavam entaladas na garganta do torcedor as derrotas do ano passado e, com elas, a perda de um possível título. Ainda não é o suficiente, não mesmo, mas pode ser o começo de uma nova caminhada.

A pergunta que fica é: onde se esconde a força de vontade em outras partidas? Dá a esquisita sensação de termos um time apenas para os clássicos – e outro, que só serve pra fazer raiva. Sabemos que o campeonato carioca vem perdendo força a cada edição, e é quase tido como apenas um treino para competições maiores, além de vitrine para novos jogadores. Mas é o tipo de competição que mesmo perdendo força, todos querem.

E qual seria a enorme diferença entre alguns times do Carioca e da Copa do Brasil, para que tenhamos nos classificado em um e caído em outro? Os resultados parecem vir de acordo com a boa vontade do elenco ou não, apenas.

É torcer para que o time vencedor de clássicos se imponha no domingo e nos traga essa taça, que pode parecer não ser muito – e talvez não seja mesmo – mas que é capaz de trazer o gás que precisamos pelo resto da temporada.

Então, que venha o Botafogo!

Panorama Tricolor

@PanoramaTri @iseffc

#JuntosPeloFlu

Imagem: ise

Comentário