Um passo de cada vez (por Juliana Rolhano)

passos-610x250

Na última quarta nossos olhos, torcida e pensamentos estiveram focados no jogo de ida contra o Olímpia em São Januário. Nossos jogadores prepararam-se, concentraram-se e deram o seu melhor em campo, mas o resultado não foi o ideal. Não saiu nenhum golzinho. Nosso grito foi calado. Várias chances. Mas o gol não aconteceu.

Se o ideal não acontece, trabalhemos então com o real.

O ideal seria vencer tudo sem problemas ou percalços e comemorar no final. Mas a realidade é que sempre teremos obstáculos a ultrapassar e dificuldades no caminho. Se o ideal não acontece, trabalhemos com o real.

O ideal seria ter todos os jogadores em ótimas condições físicas durante todo o campeonato e nunca ter que se preocupar com substituições. Mas a realidade é que jogadores se machucam, cansam, não podem ser sobrecarregados e têm problemas fora de campo. Se o ideal não acontece, trabalhemos com o real.

O ideal seria ter um técnico que acertasse em todas as suas decisões. Que tivesse a fórmula mágica para vencer. Mas a realidade é que o comandante desta guerra é falho e nem sempre acerta. Se o ideal não acontece, trabalhemos com o real.

O ideal seria um campeonato por vez, mas a realidade nos convida para a estreia do Flu amanhã, no Campeonato Brasileiro contra o Atlético – PR, bem no meio do caminho da Libertadores.

Torceremos vigorosamente por nossos Guerreiros, mas nosso desejo maior continuará lá em Assunção. Onde o ideal seria vencer sem tomar nenhum gol no jogo de volta, mas para garantir a classificação para as semifinais da Libertadores, basta apenas uma vitória ou qualquer empate com gols.

O real pode parecer a opção mais difícil e complicada, mas não existe maneira mais linda de vencer que ter que ultrapassar os próprios limites após uma luta sofrida e angustiante. A vitória suada tem um gosto especial.

O ideal seria o mais fácil, mas o real é o mais bonito.

E nesta próxima batalha não poderemos nos acomodar com qualquer resultado. A nossa realidade será uma batalha dura. E dessa vez não vai dar pra ficar no 0 X 0. O Flu terá que se posicionar e além de dominar o campo, como fez no último confronto, precisará finalizar!

Vamos Guerreiros!

Trabalhemos com o real e venceremos. Um passo de cada vez!

Juliana Rolhano

Panorama Tricolor

@PanoramaTri

Imagem: www.sonscatolicos.com.br/

ANUNCIO 1995

1 Comments

Comentário