O Fluminense terá um dos melhores times do mundo (por Marcelo Savioli)

Amigos, amigas, eu não tenho a menor dúvida do que estou dizendo. Quem me acompanha desde 2010 sabe que eu não sigo senso comum. O Fluminense terá um dos melhores times do mundo no segundo semestre. Basta, para isso, que a nova gestão não desmonte esse grupo.

O que um time todo desfalcado fez com o Flamengo hoje, um time tido como o bam bam bam do futebol brasileiro, é algo a se refletir. Se o jogo foi equilibrado no primeiro tempo, isso é obra da escalação equivocada do Diniz. Foi trocar Brenner por Marcos Paulo na segunda etapa e o time ganhou o que lhe faltava, que era a ligação entre meio e ataque.

Pena que Diego Alves discordou da nossa vitória e foi o nome do jogo. Aliás, temos que fazer uma pausa para refletir sobre a metida de bola do Daniel para o João Pedro no segundo tempo, com Diego Alves evitando o gol.

Além de ser um jogador intenso, Marcos Paulo é um craque, assim como Ganso, Daniel e Allan. Nós temos um meio de campo de craques, jogadores que resolvem qualquer situação com talento.

O que Allan jogou hoje é coisa de cinema. Se diziam que Daniel se escondia em jogos importantes, o cracaço mostrou que não teme coisa nenhuma.  É o maestro do meio de campo, não erra rigorosamente nada.

Grande partida do Igor Julião. Acho que o Gilberto terá dificuldades de reassumir a condição de titular. Julião jogou como se estivesse na cozinha de casa. Caio Henrique, então, nem se fala. Como joga bola.

Quando Diniz fizer o ajuste fino no time e no elenco, vamos ficar muito indigestos. E  o Frazan? Zero de erro. Até o Yuri, que deu uma engrossada no início, mitou de zagueiro.

Eu rolo de rir quando vejo comentarem sobre o medo do rebaixamento. É brincar de não entender nada de futebol, mas o pessoal fala que não temos elenco. É para rir ou dar gargalhadas?

O meu problema era com a lateral direita, porque o Gilberto, apesar de jogar muito, vai muito mal. Depois de ver o Julião, vi que não tem problema nenhum. Temos na zaga Matheus, Digão, Léo Santos, Nino,  Frazan e Yuri. Temos Gilberto e Julião na lateral direita. Temos Caio Henrique e Mascarenhas na lateral esquerda, além de Marlon. Temos, para a posição de volante, Allan, Caio Henrique, Daniel, Zé Ricardo, Caio, Bruno Silva e Airton (sem os quilinhos a mais e as contusões).

Temos no meio Ganso, Daniel, Léo Artur, Guilherme, Luciano e Marcos Paulo. Nem vou falar do ataque, onde podemos ter Pedro e João Pedro. Sem contar com Luciano e os atacantes de velocidade, de lado de campo, que contratamos inutilmente.

Que diabos de elenco limitado é esse? Um elenco limitado que, segundo dizem, tinha onze desfalques no jogo de hoje. Alguém conseguiu perceber, em algum momento, que o Flamengo, como o Cruzeiro, tem um time ou elenco superior?

A minha história me ensinou a ver um craque quando ele está diante de mim. O Fluminense é um time de craques e o Diniz é só o cara que também percebe isso. Mais que isso, Diniz treina essas pessoas para elas darem espetáculos e ganharem partidas. Repito: o Fluminense terá um dos melhores times do mundo no segundo semestre. É só ninguém avacalhar.

***

Eu declarei meu apoio ao Tenório. Isso não quer dizer que não apoiarei a gestão de Mário desde o primeiro dia. O sucesso de Mário será o sucesso do Fluminense e eu não torço contra o Fluminense jamais, em momento algum.

É por isso que tenho me mantido longe da política do Fluminense. Não é minha praia. Meu presidente, a partir de agora, é Mário Bittencourt. É quem eu vou apoiar, para quem vou sugerir e de quem vou cobrar.

Saudações Tricolores!

Panorama Tricolor

@PanoramaTri

#credibilidade

7 Comments

  1. Marcelo, ainda bem que vc não segue um senso comum, pois chamar Daniel de craque é achar que a torcida do fluminense não entende nada de futebol, Daniel é um jogador comum, um cara que sempre da um toque a mais na bola, um jogador que não consegue chutar a gol e quando o faz, a bola sai sem pressão nenhuma, sorte dele que não tem ninguém melhor pra colocar.
    Gilberto, jogador totalmente dispensável, um jogador que parece que em mais de duas pernas; Julião com uma perna só é melhor que ele.
    No…

  2. Fala, Savioli!

    Há algum tempo, em uma de suas colunas, comentei sobre meu apoio ao Diniz (que remanesce e, em verdade, só aumenta). Na ocasião, manifestei meu entendimento de que não enxergava no Daniel todas as qualidades que você destaca já há muito tempo.

    Volto para dizer que eu estava enganado: Daniel vem jogando muito bem, dando uma dinâmica absurda ao nosso meio de campo, qualificando o passe da equipe e contribuindo com assistências e passes verticais em todos os jogos.

    Não…

  3. Caro Savioli, a decepçao nos dois ultimos jogos foi o Frazan. Esteve irreconhecivel. Tem feito boas partidas e ontem foi soberano. Nao tomou conhecimento do ataque rubro negro. Sao mais de 180 minutos sem poder xingá-lo.

  4. Boa tarde, Savioli. É isso mesmo. Você sabe que, particularmente, eu nunca entendi a má vontade de uma boa parcela da torcida, e até mesmo da mída tricolor, com o Frazan. Nas vezes que eu o vi jogar nunca decepcionou e sempre deu conta do recado. Lembro de um jogo com o São Paulo no Morumbi, há algum tempo, que ele foi soberano. Só que não tem chances. Se tivesse, talvez fosse um Tadeu. Até lembra. Espero que venha a ser. Abraços.

  5. Marcelo, vc é um eterno otimista, mas concordo com algumas de suas afirmações. Na minha opinião, Daniel é um bom jogador, normalmente seria para compor elenco, nada mais que isso, mas no Flu, no momento, tem que ser titular. Merece ficar no time, é necessário lá, já que Ganso se omite muito. Pedro e João Pedro, difícil jogarem juntos, quem sabe o Diniz dá um jeito para usar os dois juntos? Hoje, colocaria João Pedro. Gilberto é um enganador, só joga razoavelmente quando está na ponta dos…

Comments are closed.