O adversário é outro (por Rods)

Fred PenaltiMeus amigos, com todo o respeito ao simpático Chape, não é contra ele que iremos jogar nesta noite. Mais uma vez nosso adversário é o próprio Fluminense. À propósito, os jogadores têm sorte que o jogo é fora de casa. Fosse a torcida de Brasília, tão ativa quanto a do Rio, talvez tivéssemos problemas depois do Clássico Vovô. O que causou tamanha oscilação no futebol tricolor virou o grande alvo das discussões nas esquinas, nos bares e, é claro, nas redes sociais, o palco principal de muitos “flubabacas”, como diria meu amigo Paulo-Roberto Andel.

Atraso nos salários, diminuição do bicho sobre vitória, negociações forçadas, zona de conforto dos jogadores mais antigos e os erros do Cristóvão foram alguns dos principais alvos apontados como culpados pela situação. Muitos torcedores que já estavam conformados com a ideia de que o jogo de quarta passada foi uma grande entregada, já ficaram com o pé atrás se o resultado não foi por incompetência e desrespeito. Vai saber… Hoje eu já sei que, seja qual for a fonte, uma informação nunca é certa o suficiente. Ao menos não no futebol.

Pelo o que estão noticiando, as questões contratuais e salariais estão sendo resolvidas. Se essa for mesmo a causa, o resultado veremos logo mais. Agora, não podemos fechar os olhos para os erros do nosso comandante. Cristóvão está mostrando que saber armar o time com maestria, porém conduzi-lo desastrosamente. Por várias vezes, suas alterações e tentativas de mudança apenas pioraram quadros que já eram ruins. O que falta? Visão de jogo? Conhecer melhor os jogadores? Ou o que seria uma ideia ainda pior: motim dos jogadores. Ruim de acreditar, mas aconteceu recentemente.

Mas voltando ao time, a ausência do Wagner nos mostrou como ele é uma engrenagem importante no time. Sem ele, Sóbis é recuado e, como bem sabemos, não rende como pode. Aí Fred fica na frente. Bem, esse assunto tá bem chato de comentar. É verdade que ele não voltou como esperamos. Não sei se podemos chamar isso de má fase ou de qualquer outra coisa do tipo. Quem observa atentamente vê que ele está se esforçando mais no esquema tático e na composição da marcação. Também vem distribuindo ótimos passes. Mas é praticamente isso que ele fez na Seleção. Sendo assim, será que para “salvá-lo” não é melhor deixá-lo como peça fora do esquema? Digo, Cristóvão montaria os dez em campo e o deixaria como peça livre. Por que não?

Sempre a zaga

Fabrício não tem condições de vestir a camisa do Fluminense, Elivélton não tem condições de jogar sem a orientação de um zagueiro experiente ao lado, Gum fora até o fim da temporada e Henrique com o joelho meio chumbado. Sem dúvida, um cenário apocalíptico. O Flu fez o que pedi e chamou de volta o Marlon, mas ficou no banco. Aí surgem os nomes de João Felipe e André Baía. Não conheço o primeiro, mas o Avaí conseguiu segurá-lo e graças a Deus, desistimos do segundo. Reforço minha opinião de que nossa zaga titular deve ser Henrique e Marlon. O garoto vai aprender muito e vejo um potencial enorme nele. Enquanto isso, acho que a busca por um nome decente deve continuar.

Bem, entre tantos problemas, espero que as soluções comecem a aparecer hoje na Arena Condá e que vençamos o adversário dentro e fora do campo.

ST!

Panorama Tricolor

@PanoramaTri @Rods_C

Foto: Bruno de Lima/LANCE!Press

O ESPÍRITO DA COPA BANNER NOVO

3 Comments

  1. Acredito que a saida do GUM mexeu com a zaga tida!!! E acho que começamos a cair na tabela

    *** Antispam disabled. Check access key in CleanTalk plugin options. Request number afb71c2aab1e13f1bd608b1e0db903fb. Antispam service cleantalk.org. ***

  2. Rods comenta:

    Mexeu mesmo Sérgio. Essa é a consequência de não se ter peças de reposição…

    ST!

  3. Acredito que o ideal para a partida desta noite é a retirada de Bruno, Carlinhos e Jean da equipe principal. Mas ambos estão sem reservas. Com o Wagner fora e sem Chiquinho a alternativa seria a entrada de um homem de velocidade ao lado de Fred ou Sóbis, coisa que não temos. 3 posições sem opção e outras 2 com lesão. Cenário perfeito para uma catastrófica falta de mudança e mais pontos perdidos. Ainda assim escalaria a mesma zaga e o meio-campo com os 4 + a entrada do Scarpa. Com Fred à frente

Comments are closed.