Hostilidade mode on (por Juliana Rolhano)

hostilidade

Com mais de trinta títulos estaduais, mais de quatro nacionais, um mundial, o time das Laranjeiras há tempos mostra a que veio através de sua linda história. História de garra, determinação, força e muito amor.

Já são mais de cem anos de glória. Anos que são lembrados com carinho por todos aqueles que foram escolhidos por este time arrebatador.

Chamado por muitos de o time das elites (o que não lhe descreve totalmente, como sabemos), o Fluminense sempre incomodou.

Mas por que será que incomoda tanto e de forma tão visível nos meios de comunicação? O que explicaria isso?

Seria por seu vasto quadro de craques? Talvez, mas não sejamos partidários. Existiram muitos outros craques na história do futebol carioca.

Seria por seu lindo Estádio das Laranjeiras, onde conquistou diversos títulos? Talvez, mas o Maracanã está aí como o melhor e mais famoso estádio.

Seria por seu uniforme impecável de cores harmoniosamente bem pensadas que formam uma combinação perfeita? Talvez, mas os uniformes e suas cores de um modo geral têm sua história e todos têm a sua.

Seria pelo orgulho de seus torcedores em pertencer e acreditar pertencer ao melhor time carioca? Talvez, mas todo torcedor que ama seu time de coração pensará desta maneira.

Seria por todos os títulos conquistados? Talvez, mas cada time carioca tem os seus. Uns menos, outros mais.

Seria por todas as calúnias proferidas ou por todas as verdades camufladas? Talvez.

Seria pelo amor incondicional de todos os tricolores?

Seria por sua predestinação para a glória?

Definitivamente, não tem explicação. Ou talvez tenha.

A rivalidade é o que move as competições. Ela promove os jogos. Mas a hostilidade contra o Flu ultrapassa todos os limites. Sobrepuja todo o despeito dito natural. O antagonismo superando o entendimento.

Um cenário que, como já mostrou a história, jamais terá fim. E que hoje serve apenas de combustível para impulsionar o time das cores verde, branco e grená.

Assim sendo, ele segue em direção ao próximo título sem se importar com a antipatia, agressividade, provocação ou ofensas. Tem sido sempre assim.

Apenas segue no topo. Os desavisados ouviram bem? Topo!

Amanhã é dia do clássico carioca mais antigo. Dia de vencer o Clássico Vovô.

Panorama Tricolor

@PanoramaTri

Imagem: google

Comentário