CSA 0 x 1 Fluminense (por Marcelo Savioli)

Amigos, amigas, é incrível a trajetória do Fluminense nesse Campeonato Brasileiro. O jogo desta segunda mostrou, mais uma vez, que temos time para viver uma realidade bem diferente da que estamos vivendo.

Daniel foi, mais uma vez, espetacular, Ganso fez grande partida, Allan abusou de jogar bola e Marcos Felipe foi a cereja do bolo. Coube a Caio Henrique, no entanto, ser o monstro em campo na noite de hoje em Alagoas.

Não importa quem seja o monstro em campo, a maior razão para ainda estarmos lutando contra o rebaixamento é a arbitragem. É possível contar mais de dez pontos perdidos para o apito inimigo, que, diga-se a verdade, não esteve presente na noite de hoje, como esteve presente na memorável derrota no Maracanã, quando tivemos nada menos que três pênaltis não assinalados ao nosso favor.

O Fluminense foi melhor durante toda a partida, fez o seu jogo, criou o triplo de oportunidades do adversário, mas o raio da bola tem uma rejeição enorme a balançar as redes adversárias.

O Fluminense é disparado o melhor time nessa estúpida briga contra o rebaixamento, mas não podemos relaxar, pois muitos dos problemas que nos trouxeram até aqui continuam presentes.

Temos que estar atentos, vigilantes e presentes. Presentes, principalmente, na próxima quinta-feira no Maracanã, quando receberemos o Palmeiras. Temos que estar em massa em Floripa contra o Avaí.

Não dá para relaxar, porque em toda essa temporada nosso futebol superior não foi capaz de superar inúmeras adversidades.

O fato, porém, é que Marcão encorporou o Diniz e o Fluminense joga cada vez mais igual àquela época. Foi um time frio e que joga muito bonito, com lances de paralisar a plateia, como no lance em que, ao cabo de tudo, Daniel deixou González na cara do gol no primeiro tempo.

Mas nós gostamos de sofrimento e desperdiçamos muitas chances de matar o jogo. Parece uma sina, principalmente quando se trata desse campeonato de 2019.

Não sei se mais me deixou perplexo a substituição de Yuri por Aírton ou a de Daniel por Nenê. Fato, porém, é que Nenê conseguiu puxar bons contragolpes, que não resultaram em gols, mas isso já faz parte.

Não tem muito o que dizer. Se fosse para ser pela lógica, o Fluminense estaria, na pior das hipóteses, brigando por vaga na Libertadores, mas nós sabemos que a lógica em 2019 é a do VAR.

Saudações Tricolores!

Panorama Tricolor

@PanoramaTri

#credibilidade

4 Comments

  1. Bom dia, Savioli !
    Acabei de chegar em João Pessoa. Fiz minha parte como torcedor, indo apoiar o time ontem a noite. Sofri muito. Teve momento que tive medo do coração não aguentar, mas graças a Deus, deu tudo certo. Espero que nossa torcida, aí no Rio de Janeiro, faça sua parte, lotando o estádio na próxima quinta-feira.
    ST

  2. Pela primeira vez, discordo de você. Achei que fomos muito tímidos contra o CSA e que o Alan deveria ter sido expulso. Não gostei do Daniel nem do Alan. Daniel, Caio Henrique e Nenê conseguem perder gol debaixo das traves.
    Achei que o Airton deveria ter entrado no lugar do Alan, que o Gilberto não deveria ter iniciado a partida e que o Pablo Dyego não é jogador de futebol. Até o Nino deu umas vaciladas.
    Não sei como, mas precisamos ganhar do Palmeiras para ganhar moral e não entrarmos no…

  3. Saviola, estou com mal pressentimento: o Fla vai entregar o jogo contra o Ceará. Título garantido, jogo festivo, entrega das faixas e do trofeu. Desculpa perfeita, eles em clima de festa. Já vimos este filme, que façamos nossa parte , pois neles não podemos confiar….

  4. Boa tarde, Savioli. Concordo contigo quanto às arbitragens, mas com relação a lutar pela Libertadores, menos, Savioli, menos. Com frieza, nós sabemos que o time é de regular para ruim. Totalmente incompetente para finalizar. Defesa normalmente sonada. Time não tem pegada de vencedor. Perdemos para os principais concorrentes ou deixamos pontos valiosos. Não ganhamos em casa. A probabilidade joga contra nós. Mas …..

Comments are closed.