Vamo que vamo… (por Roberto Rutigliano)

Ganhar a Sudamericana e não cair, essas são as metas do Flu. Tomara que a gente consiga.

Ontem eu estava esperando um vexame, perdemos de três a zero, mas não teve humilhação. O que se viu foi um time com orgulho que até os 40 minutos do segundo tempo aguentou como pode.

Se o time principal é fraco imagina o segundo time. Que pudemos observar? O goleiro Rodolfo, a garra geral e a possibilidade de ver o Cabezas em campo, confirmando sua inutilidade intrínseca.

A Sudamericana é a série B da Libertadores, é só observar que o Bahia e Atlético Paranaense fazem a outra semifinal. Então, para sair do meio da tabela e dessas competições secundárias, precisamos de dois ou três jogadores de alta competitividade. Temos seriedade e orgulho; só nos faltam as peças.

Se juntamos os 30 jogadores profissionais, não temos mais que cinco jogadores de nível competitivo. Isso tem que mudar.

Panorama Tricolor

@PanoramaTri

Comentário