Último esforço (por Gustavo Reguffe)

Finalizado o segundo turno das eleições municipais – para o bem ou para o mal -, no próximo fim de semana já teremos novamente rodada completa do Brasileirão.

Independentemente do resultado do jogo de logo mais entre Atlético-MG e Flamengo, que encerra a 33ª rodada, não há motivos para comemoração e tampouco de desepero por parte da torcida tricolor.

Até acho possível que nossa tarefa possa vir a ser facilitada de acordo com a motivação de cada adversário no decorrer das rodadas, mas os cinco jogos restantes para o Flu são complicados, numa primeira análise.

O São Paulo, por exemplo, nosso próximo adversário, aparece no G-4 com boa vantagem sobre o quinto colocado, mas é um time bom, embalado e que não deve facilitar. Já o Palmeiras, com quem jogaremos em seguida, segue desesperado na luta contra o rebaixamento; ainda mais agora, com o resultado do jogo com o Inter sub júdice. Note-se que faremos ambos os jogos como visitantes.

Ainda que nossa campanha nos credencie a sonhar alto e valorize ainda mais nossa vantagem atual, é importante que o time mantenha o ritmo sem olhar para trás; afinal de contas, o Flu só depende de si para ser campeão.

No jogo com o Coritiba poderíamos ter decidido a parada já no primeiro tempo, tamanha era nossa superioridade. Mas o time caiu de produção e, como sempre, recuou perigosa e desnecessariamente na segunda etapa. Nem e Jean jogaram demais, mas foram destaques solitários num jogo em que o time careceu da força do conjunto, a meu ver o que determinou a queda de rendimento na segunda metade da partida.

Sei que a cada jogo aumentam a pressão e a fadiga, sinais mais do que naturais em um time que começou o campeonato correndo por fora e deu uma arrancada espetacular. Mas é preciso concentração; não precisamos passar o sufoco que temos passado nos últimos jogos.

Agora falta pouco e a hora é realmente de entrega, daquele último esforço individual, fundamental para o sucesso do todo.

Gustavo Reguffe

Panorama Tricolor/ FluNews

@PanoramaTri

Contato: Vitor Franklin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

 caracteres