Prioridade absoluta para o futebol tricolor (por Paulo Rocha)

DOWNLOAD GRÁTIS – LIVROS “RODA VIVA” 1 E 2

Todos nós sabemos dos graves problemas financeiros do Fluminense. Sabemos que a herança da gestão anterior foi maldita, que o país atravessa uma crise econômica sem igual e que não é nada fácil alavancar recursos num momento como esse. Estamos cientes de tudo. Não podemos, contudo, admitir falta de ousadia. É isso que cobramos do presidente Pedro Abad para a próxima temporada.

O clube, ao que parece, está se munindo de bons profissionais no que tange ao esporte amador. Emanuel, Gustavo Borges… o próprio CEO Marcus Vinícius é homem oriundo desta área. Contudo, nosso nome é Fluminense Football Club. E é justamente o futebol que precisa ser a locomotiva para o sucesso de todos os setores. É prioridade máxima.

Eu, como torcedor, não quero saber se não há dinheiro. Quero criatividade na busca de reforços, análise certa de observação de jogadores, olheiros que entendam do riscado. Alguns atletas nossos que estavam emprestados podem ser úteis, como Edson e Danielzinho. Que seja dada uma chance a quem pode aproveitá-la.

Acho válido o protesto da torcida. É um jeito de a diretoria ver que não está lidando com um bando de vacas de presépio conformadas. Chega de mediocridade. Queremos um time, no mínimo, competitivo. Aguentamos demais. É hora de o Fluminense ressurgir.

Falta apenas uma rodada para o término do Campeonato Brasileiro. Nossa missão é nos despedirmos com honra e fazermos de Henrique Dourado o artilheiro da competição – falarei mais sobre o Ceifador na coluna do próximo sábado. Temos missões a cumprir. Que o time não mostre contra o Atlético-GO a mesma indolência do jogo contra o Sport. Que os jogadores se lembrem da força da camisa que vestem. E tenham, no mínimo, dignidade.

xxxxxxxxxx

Chega a ser patético o esforço que determinados jornais fazem para desestabilizar o Fluminense. Sim, os salários estão atrasados, mas será que não há como explorar outros assuntos? Criar crise é a ordem que parte dos pseudo editores para seus jovens repórteres que, por sua vez, gostam de sair no Carnaval, pelas ruas do Rio, usando camisa baby-look de nosso grande rival.

xxxxxxxxxx

Se o Fluminense não vem nos dando muitos motivos para sorrir, temos o Muralha para tornar o nosso final de ano mais divertido. Que ele continue assim. Valeu, Muralha!

Panorama Tricolor

@PanoramaTri

#JuntosPeloFlu

Imagen: paro

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

 caracteres