Planejamento Tricolor (por Sergio Trigo)

Prezados amigos, saudações tricolores!

Cumpridas as quatro primeiras rodadas do Brasileiro, estamos por ali, no meio da tabela. Até aqui, o empenho do time empolgou muito mais que o desempenho. O time não é o suprassumo da técnica, mas a galera está correndo, e é bom que nos aproveitemos disso enquanto o combustível não acaba. Ou a grana.

Para alguns, pode ser cedo demais para qualquer tipo de análise, mas independentemente de opinião, precisamos ser pragmáticos. Restam 34 rodadas por jogar, 8 delas antes da Copa do Mundo. Depois disso, o campeonato ficará mais de um mês parado e só voltaremos a jogar em agosto.

Como não temos tabelas feitas sob medida, como acontece com o pessoal da Gávea, é preciso um pouco mais de cuidado e atenção. Na próxima segunda, a gente pega o Botafogo, no Engenhão. Pode acontecer de tudo, até ganharmos. O time deles é horroroso, mas o nosso também não é lá essas coisas e ainda temos um jogo esquisito no topo do mundo hoje à noite. Sabe-se lá em que condições os nossos jogadores voltarão dessa estapafúrdia excursão pela Bolívia. Potosí no dos outros, é refresco.

De qualquer forma, seja qual for o resultado dos jogos contra Potosí e Botafogo, era hora de convocar a torcida para as partidas contra Atlético-PR e Chapecoense no Maracanã, nas rodadas 6 e 7. São seis pontos fundamentais. Depois disso, temos Grêmio (fora), Paraná Clube (fora), Flamengo, Atlético-MG (fora) e Santos (casa). Pauleira.

Os seis pontos em jogo nessas duas partidas serão importantíssimos. Temos sete, até aqui. Chegar à Copa com 20 pontos me parece uma meta ambiciosa, embora possível.

Como a nossa diretoria não perde a oportunidade de perder uma oportunidade, nada foi feito de diferente para essas partidas. Mesma pasmaceira. Maracanã com o curral inferior aberto. Se eles acharem que vale a pena, abrem a parte de cima. Os preços são os mesmos. Nada de promoção, desconto, campanha… nada. Quem quiser ir, que vá. Tipo isso.

Porra, custava fazer uma promoçãozinha? Custava aplicar um desconto caso o torcedor comprasse para os dois jogos de uma vez? Aí depois os caras reclamam que a torcida não vai. Enche as mídias sociais de propaganda. Bola uma promoção. Pede o apoio da torcida. Apela. Implora. Mas faz uma porra qualquer! Não é possível que a gente vá ficar nisso para sempre.

Não seria melhor fazer isso desde já, em vez de deixar para as últimas rodadas, caso se repita o ocorrido nos últimos anos?

Dia desses estava assistindo a um jogo do Escrete Pimpão pela TV. No intervalo, filmaram o gramado. Sabe o que estava acontecendo? Uma dessas promoções em que um torcedor vai lá dar um chute sabe-se lá de onde para ganhar sabe-se lá o quê. Custa?

Porque não atrair o público desde já? Todo mundo sabe das limitações do elenco. Ninguém está esperando espetáculo. Se correrem, a turma já aplaude. A gente vai lá porque ama o Fluminense. Até cansar. A maioria, aparentemente, já cansou.

===

Sobre o jogo com o Potosí, não gosto dos comentários sobre a altitude. Certo ou errado, todo mundo vai lá. Os caras foram outro dia e a gente ficou dando risada. Nossa vez.

A vantagem é boa.

===

Saudações Tricolores.

Sergio Trigo

Se preferir, entre em contato através do endereço eletrônico strigo@globo.com, twitter ou facebook.

===

P.S.: Se você, assim como eu, tem o hábito de guardar os ingressos de partidas do Fluminense, entre em contato comigo. Possuo uma coleção de ingressos de quase mil e quinhentas partidas diferentes do nosso Tricolor e tenho interesse em trocar ou adquirir aqueles que não figuram na minha coleção.

Panorama Tricolor

@PanoramaTri @S_Trigo

#JuntosPeloFlu

Imagem: sting

Comentário