Fluminense 5 x 0 Salgueiro-PE: atuações (por Mauro Jácome)

Sob o comando de Sornoza, o Fluminense jogou o que não fazia há muito. O adversário é fraco? Muito, mas muitos dos anteriores também eram. Tática e técnica fazem diferença, mas vontade de ganhar, de jogar bem, faca nos dentes, é fundamental.

Muita movimentação, sem medo de partir para cima, bola de pé em pé, foram fatores para a construção da goleada. Dá para acreditar que, de agora em diante, mesmo com as limitações que conhecemos, poderemos ver um time mais determinado, menos passivo, mais ciente do que representa o Fluminense?

JÚLIO CÉSAR

Apesar do placar, não ficou só assistindo ao jogo. Foi bem, quando acionado, inclusive, com direito a defesaças.

RENATO CHAVES

Sem muito trabalho. Tentou algumas cabeçadas nos escanteios.

GUM

Mesmo nível de Renato Chaves.

IBAÑEZ

Muito tranquilo, apesar de ter ao lado Gum e Renato Chaves. Tem boa antecipação. Está se firmando.

GILBERTO

Depois do jogo anterior, contra o Macaé, escrevi: “Piora a cada dia”. Neste jogo, inverteu a curva e prorrogou o carnaval até quinta, no Engenhão.

RICHARD

Limitou-se a cobrir os avanços dos companheiros.

MATHEUS NORTON

Deu gás ao meio-campo, quando o time sentiu o forte ritmo imposto até o quarto gol.

JADSON

Discreto com a bola nos pés no primeiro tempo. Subiu para a intermediária adversária no segundo tempo e foi mais participativo. Ótima enfiada para Marlon no quarto gol.

MARLON FREITAS

Entrou para preservar Jadson. Tem um futebol muito limitado.

SORNOZA

Deitou e rolou. Fez de tudo: de assistências a lançamentos. De quebra, fez gol. A melhor partida do equatoriano no clube.

MARLON

Foi no embalo. Solto, esteve sempre presente na frente. Boa participação na construção do quarto gol.

MARCOS JUNIOR

Enquanto esteve em campo, levou a defesa do Salgueiro à loucura. Correu para todos os lados, driblou, chutou e fez o segundo na terceira tentativa.

ROBINHO

Entrou bem. Atacou pelos dois lados e voltou para buscar a bola e partir em velocidade. Ainda marcou um belo gol.

PEDRO

Jogou bem, mas perdeu muitos gols. Precisava marcar para ganhar mais confiança.

ABEL

Parece que deu uma sacudida na moçada. Essa boa vitória pode dar mais confiança para melhorar o desempenho geral.

SALGUEIRO

Sofreu treze gols em nove dias. Não precisa falar mais nada.

ARBITRAGEM

Cabia um vermelhinho no Salgueiro.

Panorama Tricolor

@PanoramaTri @MauroJacome

#JuntosPeloFlu

Imagem: jam

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

 caracteres