Fluminense 3 x 2 Santos (por Felipe Fleury)

O Fluminense vinha de três derrotas consecutivas, embora na segunda, contra o Flamengo, a intervenção nefasta da arbitragem tenha sido preponderante para o desfecho da partida. Enfrentar o Santos na primeira rodada do Brasileiro, portanto, um time que vem num crescente, há cinco jogos sem perder, com uma equipe jovem e veloz, não seria tarefa das mais simples.

E parece que o Flu entendeu isso, porque iniciou o jogo marcando forte, com disposição redobrada e logo no começo marcou seu gol após um bom – enfim – cruzamento de Léo para Dourado completar ao seu estilo – de bico de chuteira – para o gol. Só depois dos quinze, o Tricolor arrefeceu a marcação e deu mais liberdade ao Santos, que atacava, porém, sem muito perigos à nossa meta. Após a parada técnica, o time da baixada santista tornou-se mais objetivo e, de tanto o Flu recuar, acabou sofrendo seu gol, de cabeça, sem que o jogador santista sequer precisasse sair do chão. Uma desatenção.

Logo após o gol de empate, o Tricolor voltou a comandar as ações e quase marcou numa bola na trave. O Flu continuou pressionando e, após belíssima jogada de Dourado, que entraria livre para concluir, foi tocado na área. Pênalti cobrado por ele mesmo, com perfeição: segundo e merecido gol Tricolor, vantagem importante para se levar para o vestiário.

A segunda etapa começou muito mais movimentada, com os dois times buscando o caminho do gol. O Santos perdeu boas oportunidades, o Flu também e o jogo ganhou em movimentação e qualidade. Wendel fez jogada lúcida, pensada e serviu Sornoza que fez belo gol. Três a um para o Flu, retomando seus dias de bom futebol e muitos gols. A equipe santista ainda colocou duas bolas no travessão Tricolor, mas o Flu, diferentemente do primeiro tempo, levava mais perigo nos contra-ataques.

No fim, Abel pôs Pierre para segurar o resultado e o recuo nos custou mais um gol do Santos. Scarpar em campo também foi uma bos surpresa, não pelo que fez, mas por ter tido a oportunidade de sentir novamente o ambiente de uma partida oficial. Aos poucos, oxalá, retomará ritmo e bom futebol.

Uma vitória santa, como se costuma dizer no jargão Tricolor, primeiro porque o time vinha de três derrotas seguidas, segundo para silenciar quem dizia que a má fase decorria de problemas internos, mais especificamente o atraso no pagamento de salários e direitos de imagem e terceiro porque começar o campeonato com uma vitória, e sobre o Santos, é motivo de comemoração.

Parabéns ao grupo, a Henrique Dourado, por seus dois gols e às mamães tricolores, felizes com essa ótima vitória do Fluminense. Domingo que vem a parada certamente será mais complicada, mas como cada jogo é uma decisão, vamos com tudo novamente em busca da vitória.

Panorama Tricolor

@PanoramaTri @FFleury

Imagem: ram

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

 caracteres