Fluminense 1 x 1 Nacional-URU (por Conde Francisco da Zanzibar)

Quero dizer à nassão (sic) que estou revoltadérrimo nas tamancas com esse empatezinho de ataque contra os maconheiros do Uruguai. O team foi mal demais e o goal no fim “premiou” o conjunto da obra.

Em campo, temos feito um vaivém que não é gostoso, que não dá tesão. Pelo contrário, é brochante. Quando você pensa que o pontinho azul da alegria vai levantar a galera, vem aquele futum de banheiro depois que o michê velho suburbano saiu do recinto. Um fedor nojento. Uma gangorra de água de bidet, sem força. Não vencer no nosso salão de festas foi uó.

Tenho trabalhado pelo fortalecimento do club, dando o máximo de mim em tudo. Não foi o suficiente no campo ontem, mas espero por uma virada de dar água na boca. Se ela vier, sou capaz de cantar “O vira” por aí.

A torcida está chateada com razão. Agora estamos numa situação difícil, mas nunca é demais lembrar que já viramos coisas bem mais difíceis. Vamos ao Uruguay virar esta zona. Eu irei lá com meu grande amigo Roger e prometo dar tudo de mim por essa vitória. Abafa, mona!

Será uma virada inesquecível.

Panorama Tricolor

@PanoramaTri

Comentário