Em busca de duas vitórias (por Paulo Rocha)

Já faz algum tempo que cheguei a uma conclusão: não existe derrota injusta. Se um time dominou o jogo e não conseguiu traduzir o domínio em vantagem numérica no placar, merece ser castigado. Foi exatamente o que ocorreu com o Fluminense no Clássico Vovô.

Sim, o time jogou bem e, na reta final da partida, deve ter mesmo sentido as pernas pesadas em razão da epopeia protagonizada na irracional (para a prática do futebol) altitude boliviana de Potosí. Mas não há desculpa. Sigamos em frente.

E seguir em frente é pensar, neste momento, no Atlético-PR, adversário do próximo domingo, no Maracanã. O duelo das duas equipes mais jovens do Brasileirão. Será preciso intensidade e inteligência para o Tricolor.

O adversário, apontando no início da temporada como virtual sensação do campeonato, sofre com um jejum de vitórias. Fará de tudo para voltar à Curitiba reabilitado. Não podemos permitir, precisamos demais desses três pontos.

Assim como precisamos dos três pontos da rodada seguinte, contra a Chapecoense, também no Maraca. Nossa torcida tem que comparecer em bom número a ambos os jogos para dar aquela força à equipe, que tem se mostrado guerreira dentro de campo.

Ou seja: vencer esses dois duelos será fundamental para o Fluminense. Se olharem a tabela, verão que o jogo seguinte a ambos será “simplesmente” contra o Grêmio, no Sul. Será preciso dizer mais alguma coisa?

Portanto, que Abel e seus comandados executem este “projeto seis pontos” da melhor forma possível. A situação na tabela e a necessidade de afirmação de nosso jovem time exigem isso. E tenho plena confiança de que podemos conseguir. Saudações Tricolores.

Panorama Tricolor

@PanoramaTri

#JuntosPeloFlu

Imagem: paro 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

 caracteres