Deste Fluminense a galera gosta (por Paulo Rocha)

A verdade é uma só: quando se vai ao estádio, o sofrimento é menor. A sensação é essa, pois você joga junto, grita, torce, canta. Mas seria injustiça dizer que o Fluminense me fez sofrer na manhã de domingo no Maracanã; pelo contrário, o time me deu foi a felicidade de presenciar, ao lado do meu filho, a uma belíssima vitória.

O Santos veio com o que tinha de melhor. O Tricolor entrou em campo sob desconfiança. Mas quando soou o apito inicial, o que se viu foi aquele time do qual gostamos: decidido, ousado, organizado.  O domínio do jogo teve alternâncias? Teve, afinal, era um clássico do futebol brasileiro, cariocas contra paulistas. Mas o Flu demonstrou personalidade e mereceu vencer por 3 a 2.

Em minha opinião, tivemos duas figuras-chaves: Henrique Dourado (que, além dos gols que fez, jogou para cacete) e Sornoza. Coadjuvado por Wendel, o equatoriano foi o cérebro de nossa equipe. Organizou a meiúca e foi premiado com um golaço. Outros também mereceram destaque, como Henrique, Léo, e Wendel, mas todo o conjunto esteve bem.

Importantíssimo o triunfo tricolor. Ainda mais pelo fato de nossos dois próximos jogos serem pedreiras – o Grêmio, pela Copa do Brasil, e o Galo, pelo Brasileirão, ambos fora de casa. O resultado diante do Santos, uma equipe top, nos deixa mais conscientes de nossa força. O Fluminense do Abel não é uma mosca morta. É um Time de Guerreiros

Para encerrar: existe alguma coisa mais gostosa do que ir ao Maracanã com o filho e poder vibrar com ele a cada gol? Comemorar uma vitória tendo a sensação de que também foi responsável por ela? Pois é amigos, são coisas que só quem já viveu – ou viverá – poderá explicar como é.

 

xxxxxxxxxx

Deve ter muito “coleguinha” putinho com as declarações do Richarlison, que atribuiu à imprensa a tentativa de instalar crise no Fluminense. Com a autoridade de quem já viveu essa profissão por muitos anos: será que ele está totalmente errado?  O atacante tricolor pode até ter generalizado, mas essa praga existe. Somente vitórias como a de domingo passado os fará engolir aquilo com o que pretendem nos atingir.

Panorama Tricolor

@PanoramaTri

Imagem: paro

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

 caracteres