Grêmio 1 x 0 Fluminense (por Paulo-Roberto Andel)

Se o futebol fosse avaliado por justiça ou volume de jogo, não haveria o que contestar a vitória do Grêmio há pouco sobre o Fluminense. O duro foi ter aguentado a pressão durante quase toda a partida, com garra em campo, ainda que com velhos erros, para tomar o gol numa bola inesperada.

No primeiro tempo, o time da casa predominou é só não marcou porque Cavalieri foi um monstro, mostrando porque torcedores como eu pediam sua volta há tempo. Descemos com o coração nas mãos, aliviados com o empate. Na segunda etapa, o Flu voltou com algum efêmero ímpeto ofensivo, perdeu gols e parecia que finalmente iria equilibrar as ações. Ledo engano: o Grêmio retomou o ataque, deitou e rolou pela direita, fez o Flu recuar e, antes de marcar seu estranho gol, já tinha desperdiçado chances valiosas. No fim, veio o castigo irrecuperável.

Nos dias atuais, Leo, Wendel e Orejuela tiram minha paciência por completo, assim como as entradas de Marcos Jr e Peu. Agora vem uma parada de dez dias e a última chance para o Fluminense escapar de um inferno que era absolutamente evitável semanas atrás. Trocentos times estão entre o oitavo e o décimo oitavo lugares. Quem errar, morre. O time tem que se preparar, mudar para melhor, recuperar seu arranque e não se pode pensar em outra coisa que não seja uma promoção para se colocar 60 mil pessoas na próxima partida pelo Brasileiro: quando o time emperra, o torcedor precisa empurrar e os dirigentes precisam entender a gravidade do momento.

Apesar da derrota, o Flu mostrou vontade em campo, coletivamente, descontando-se as falhas individuais, só que vontade é pouco para uma recuperação. Reginaldo foi bem na defesa. Do Cavalieri já falei. O Dourado lutou como sempre e quase fez.

ROGER

Solidariedade não tem camisa, nem torcida, nem adversário. Que o atacante alvinegro tenha sorte e uma excelente recuperação. Futebol não existe sem o outro.

Panorama Tricolor

@PanoramaTri @pauloandel

Imagem: cezar guedes

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

 caracteres