A salvação tricolor a conta-gotas (por Paulo Rocha)

DOWNLOAD GRÁTIS – LIVROS “RODA VIVA” 1 E 2

Um filme repetido. Após a boa atuação que culminou em vitória de virada sobre um velho rival, o Botafogo, o Fluminense voltou a vacilar. O empate com o Coritiba, no Maracanã, nos mantém, ainda, a quatro pontos da salvação. Sim, porque, a esta altura, seria hipocrisia falar em vaga na Libertadores. Nossa luta é contra a degola. E a cura virá través de um remédio de conta-gotas, lentamente, para nos matar (como habitualmente) de aflição.

Olha, poderia ser pior. O Coritiba jogou muito, nos dominou a maior parte do tempo. Nossa sorte foi fazermos aqueles dois gols no início do segundo tempo. A insegurança tricolor foi tão grande que, mesmo quando o time estava na frente do placar, dava para se notar que a vantagem não duraria muito tempo. Como não durou. E mais: o chute do Gladiador que Wendel conseguiu desviar com o ombro e o rosto para a linha de fundo evitou nossa derrota.

Temos 43 pontos e precisamos de mais quatro. Nas duas próximas partidas enfrentaremos, fora de casa, a Cruzeiro e Corinthians. Se conseguirmos pelo menos um ponto nesses dois jogos, uma vitória sobre a Ponte Preta, no Maraca, no Feriado de Zumbi, acabará com nosso sofrimento. Ainda que não consigamos, o jogo seguinte será novamente em casa, contra o Sport; e, na última rodada, iremos a Goiânia enfrentar o Atlético local, que, inevitavelmente, já estará rebaixado a esta altura.

Sei que o ano ainda não acabou; não enquanto não tivermos espantado toda e qualquer ameaça. Mas que o Fluminense consiga logo este objetivo e comece a planejar a temporada de 2018. Que a diretoria tenha mais sucesso no que diz respeito à obtenção de recursos. O clube possui uma marca valiosíssima e que não está gerando as receitas que poderia gerar.

xxxxxxxxxxx

Engraçado como logo após os resultados insatisfatórios obtidos pelo Flu saiam notícias de que o salário está atrasado e coisas do tipo. O único clube do Rio que tem grana atualmente é o Flamengo (ainda que oriunda de negociações comerciais conduzidas por um cara que, atualmente, está preso pela operação Lava-Jato). O Botafogo, por sua vez, está processando um ex-presidente por suposto favorecimento a empreiteira rainha da propina. E o Vasco, por sua vez, tem o caso da urna suspeita. Mas o fato de o Fluminense estar com os salários atrasados alarma mais alguns setores da mídia. Vão tomar no cu antes que eu me esqueça.

Panorama Tricolor

@PanoramaTri

Imagem: roc

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

 caracteres