Bahia 3 x 2 Fluminense (por Paulo-Roberto Andel)

O TRICOLOR – informação relevante.

A atuação do Fluminense foi comprometida no primeiro tempo, em parte pelo equívoco completo da escalação de Diniz, em parte pela falha de Agenor, mas é bom que se diga: nas duas goleadas anteriores, quando o goleiro deu a botinada na bola, em pelo menos duas ocasiões o treinador visivelmente não gostou. Podem ver nos teipes. E que fique claro: a partida não foi decidida ali. No segundo tempo Agenor teve uma boa saída com os pés em lance decisivo.

Na segunda etapa o Flu melhorou e poderia ter empatado, mas aí sim veio o lance capital e sem precedentes nos últimos 50 anos. O pênalti muito contestável, a repetição da cobrança e a expulsão de Agenor esfaquearam o time. Lembrei de um Fla-Flu de 40 anos atrás: Wendell teve que sair de campo, acho que contundido, e Renato teve que entrar em campo sem aquecimento. Na primeira bola, tomou um gol por entre as pernas e encerrou sua carreira no clube. Pelo menos o Rodolfo não comprometeu. Voltando ao jogo: quem garante que o VAR não pode significar uma interferência externa indevida?

Vendo um mérito na derrota, o time do Fluminense não se entregou e lutou até o fim. Descontou com bela participação do garoto João Pedro. A preocupação é que já começamos a ter alguma distância dos times razoavelmente bem colocados, o que exige uma reação rápida e naturalmente pressiona Diniz. Paciência.

Agora, duro mesmo foi ver no fim de noite a matéria sobre a crise no Cruzeiro (que precisa ser investigada mesmo): foi inevitável pensar nas Laranjeiras, no ódio ao nosso estádio de nascença, nos sigilos contratuais e nos seis anos de milícias virtuais 24 horas mas redes antissociais. Tomara que o futuro não nos seja carrasco.

xxxxxxxxx

Nesta segunda, às 17 horas, eu e Gabriel Betbeder conversamos ao vivo com Ricardo Tenório, candidato à presidência do Fluminense. A transmissão é pela página do PANORAMA no Facebook. Liga lá.

Panorama Tricolor

@PanoramaTri @pauloandel

#credibilidade

4 Comments

  1. Bom dia, Andel. O VAR brasileiro está matando o prazer de ver o futebol. Virou protagonista. Com o Fluminense é implacável. Na minha opinião, deveria entrar somente na duvida entre a equipe de árbitros. Senão, segue o jogo. Não tem cabimento o jogo estar se desenrolando e, de repente, pára tudo. Não dá. Quanto ao jogo, há muito, mas muito tempo que não vejo penalty se repetir por causa do goleiro se adiantar. Agora, penalty daonde? a bola bateu na parte superior do braço, totalmente…

  2. Olá Andel, não há como disponibilizar os vídeos e lives do Panorama em outra plataforma (Youtube, VK, etc.) ou no formato de podcast (Spotify, Soundcloud, etc.)?

    1. Andel: Oi, Diego. No YouTube temos mais de 200 no Canal do Panorama.

      Estamos estudando o podcast.

      Abraço, ST.

Comments are closed.